A glória é tanto mais tardia quanto mais duradoura há de ser, porque todo fruto delicioso amadurece lentamente

AndyMore

O Click Fome precisa da sua ajuda. Você que nos ajudou a conquistar o iBest por 4 vezes, agora nos ajude a conquistar novos patrocinadores. Veja em "Como Patrocinar" no site.

Eurydice

A Playboy da escrita erótica


Tem Dúvidas? Clique Aqui!

Counter
Counter

   

<< August 2016 >>
Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat
 01 02 03 04 05 06
07 08 09 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31

 

A amizade não requer cobranças, presentes, etc. A amizade requer apenas quando nos lembramos de dizer: "Olá! Tudo bem?"

A esperança vê o invisível, sente o imaginável e alcança o impossível.

 

 

 

 Traduzir o Blog para Inglês [Tradução automática]

Antes que insultes um homem, anda uma milha nos teus sapatos.  Dessa forma, quando tu o insultas, tu és uma milha afastada, e para teres os teus sapatos.

 




If you want to be updated on this weblog Enter your email here:


rss feed

Músic Midis click

 









Please rate this site at The Top 25 U2 Sites
 

,

annuaire 
gratuit
annuaire des sites web

 

 home

 Portugal

CoffeeCup Software

 


PALAVRA


Cambalhotas de Irrealidades
Dupla literária cambalhotina


Walkwoman
Literatura andarilha


Cabezas
Egoísmo coletivo

SOM


Audioprosoemas
Palavra e som em surtos


Ossos do ouvido
Audioblog, experimentações áudio-literais


Pedra Branca
Raíz e contemporaneidade

CORTO


Antrogotos
Um olhar sobre o corpo contemporâneo

FOTOGRAFIA E ARTES VISUAIS


Que pena
Arte puta. Puta arte.


Vidas rabiscadas
Desenhos e HQs em traço de prosa


Olhares
Lírica lusófona em imagem e poesia

Imagético
Imagético
Fotografias em fortes pinceladas
 

AUDIOVISUAL


Ela
Curta em denso percurso do feminino


Falso movimento

Vídeo lírico-urbano em


101 Imagens



Tuesday, March 01, 2005
Bundas Perfeitas

Bumbum
É a consagração do melhor do Brasil. Um médico dos EUA patenteou uma cirurgia que promete dar bunda de brasileira às mulheres americanas


Por Marina Mezzacappa


Patentearam a bunda brasileira. O cirurgião plástico Anthony Griffin é dono de uma luxuosa clínica em Beverly Hills, na Califórnia. Ele patenteou e batizou de Brazilian Butt Lift um procedimento cirúrgico que promete deixar qualquer mulher com o bumbum redondo e empinado como o das brasileiras. É a combinação do velho talento americano para ganhar dinheiro com a conhecida vocação brasileira para produzir mulheres gostosas. Griffin está popularizando a cirurgia por meio do programa Extreme Makeover, um reality show transmitido no Brasil pelo canal de TV por assinatura Sony. Nele, os participantes ganham uma repaginada e mulheres que mais pareciam uma tábua saem com bumbuns generosos. O método de Griffin consiste na retirada de gordura de algumas áreas do corpo, como a parte inferior da coluna, para injetá-la na bunda. Sempre que possível, o médico usa material de áreas adjacentes ao bumbum, o que ajuda a dar um contorno em forma de S à paciente. Procedimentos similares de enxerto de gordura nos glúteos são utilizados no Brasil e em outros países. Mas só Griffin teve a sacada de batizar a técnica em homenagem às brasileiras.

Diferentemente de peitos siliconados, os sinais do Brazilian Butt Lift são difíceis de ser percebidos a olho nu. A cicatriz é mínima, pois a gordura é injetada através de um orifício milimétrico. Para sacar que está diante de uma bunda fabricada na clínica do doutor Griffin, um homem curioso tem de primeiro levá-la para a cama. "Dificilmente um interessado percebe que a mulher passou por uma Brazilian Butt Lift. Só in loco, com a mulher nua em pêlo, e mesmo assim é preciso um olho clínico", diz o cirurgião plástico paulista Raul Gonzalez, um dos mais experientes profissionais de, veja você, remodelagem glútea do mundo. Anthony Griffin cobra de 10 a 15 mil dólares por cirurgia e tem clientes em muitos países, inclusive brasileiras que acham que não têm bunda de brasileiras. "Mulheres do Canadá e da Inglaterra me procuraram depois de terem visto o programa e percebido que lhes faltava alguma coisa", disse em entrevista por telefone à PLAYBOY. Anthony Griffin, evidentemente, é um fã da produção nacional. "O bumbum brasileiro é lindo. A genética da mulher latina favorece formas arredondadas e sensuais", diz, derretido.

Posted at 05:07 am by
::Podes comentar::  

Monday, February 28, 2005
Orgasmos Múltiplo Feminino



Introdução:

A técnica de indução de orgasmos femininos é um método antigo que não foi inventado, e sim compilado, pelo autor deste texto,  não funciona automaticamente, e é necessário entrosamento e atracão entre os envolvidos na sua prática.

 

Descrição:

Os orgasmos infinitos femininos, ou orgasmos múltiplos progressivos são uma série de orgasmos que a mulher vai tendo, cada vez mais fortes, até que, em torno do décimo orgasmo, a mulher cai em sono profundo. A intensidade, quantidade e velocidade dos orgasmos varia de mulher para mulher.

 

Procedimentos Iniciais:

Para uma mulher atingir o orgasmo múltiplo é preciso, que antes de tudo ela esteja excitada e atraída pela situação. Como em uma média as mulheres tem dificuldade de se entregar e confiar em um parceiro novo, esta técnica tende a apresentar maiores resultados em pessoas que já se relacionam a algum tempo e já adquiriram um nível de confiança mútua maior. Fique sempre atento para as expressões faciais, sons, movimentos ou qualquer outra coisa que a mulher possa lhe passar como informação. O seu sucesso depende directamente da sua capacidade de saber se a mulher está fria ou quente na relação

Uma excelente forma de aumento de rendimento é ter a relação dentro do ambiente de fantasia da parceira, o que aumenta o seu nível de excitação.

Exemplos de fantasias mais comuns:
Carros, praias desertas, lugares com pessoas passando, elevadores, situações de perigo em geral, sado-masoquismo (consentido), roupas e uniformes civis e militares, mesa da cozinha, pia do banheiro, laje, terraço e etc.

Exemplos de fantasias menos comuns:
Toilet sex, Rape sex, animais, profissões (fotógrafo, ginecologista, padre, professor, etc).

Via de regra as mulheres; diferentemente do homem, que se excitam mais visualmente; tendem a ficar mais atraídas por impulsos físicos, como o beijo, o abraço e carinhos em geral. Tenha isso em mente para um bom rendimento.

Outra forma de captar a concentração feminina de uma maneira bem eficiente é sussurrando e/ou gemendo em seu ouvido. O que vai ser sussurrado muda muito de mulher para mulher, algumas sugestões são: palavras de amor, pornografia leve, pornografia pesada, ofensas leves, ofensas pesadas, etc. É necessário saber exactamente em que tipo a mulher se encaixa, pois, o uso errado destas causa efeito contrário.


 

 

Técnica:

Para se alcançar o objetivo em questão, a maneira é fazer com que a mulher tenha o maior número de áreas sexuais estimuladas ao mesmo tempo. As áreas principais para a maioria é: boca, peito, ânus, vagina, clitóris e bumbum. Como não existe regra, podem haver áreas diferentes para cada mulher, como os pés as mãos, a clavícula, o pescoço, a parte posterior do cotovelo e outras. Em um futuro será descrito como excitar essas áreas menos comuns.

A posição:
Existem duas posições principais nas quais foram conseguidos bons rendimentos: posição ginecológica, e de quatro. Uma outra alternativa é uma semi-cambalhota, mas essa é mais complicada.

Boca:
Beijo é fundamental, muito bem conhecido, não cabe a este texto ficar descrevendo uma forma de excitação tão bem difundida

Peito:
Outra forma de excitação bem conhecida, e uma das mais importantes. As melhores maneiras de excitação são: com os dedos em movimento circular em volta do bico, com os dedos no bico, comumente chamada de sintonia de rádio, e com o lábios, individualmente ou apertando os dois com a mão de forma a tentar chupar os dois ao mesmo tempo.

ânus:
Muito controvertido, geralmente adorado pelos homens, nem tanto pelas mulheres, é parte fundamental do processo. É muito recomendável que você conheça a pessoa, e faça uma higienização antes dessa fase, depois disso, não há muito problema. Abaixo algumas maneiras de excitação anal:

  • Beijo, beijar a entrada do ânus causa excelentes resultados

    Introduzir a língua
    , tão eficaz  ou melhor que o primeiro item. Deve-se penetrar com a língua o mais fundo possível, para isso, a melhor posição é a de quatro com o peito abaixado, formando um triângulo.

    Introduzir o dedo
    , introduzir um dedo, ou mais de um ser for o caso, preferencialmente lubrificado, causa boas sensações, a parte mais sensível é a superior, logo abaixo da vagina, mais ou menos a 3 ou 4 cm do ânus. Procure massajar de formas variadas, em círculos, vibrando, pressionando e tente descobrir qual a que fornece melhores resultados .

    bolas tailandesas
    ,
    fantástico acessório, são bolinhas plásticas amarradas por uma corda, com uma argola na ponta, que são introduzidas uma a uma no ânus. Pode se acondicionar estas dentro de uma camisinha, para uma melhor higiene . A forma recomendada para o uso deste acessório, é ficar puxando a cordinha, como se solta uma pipa, ou puxá-lo até o limite imediatamente antes da bolinha sair do ânus, e aí, soltá-la novamente. A medida que o êxtase vai chegando, tira-se as bolas uma a uma, de uma maneira mais ou menos calculada, para que, a última saia junto com o clímax, quando isso acontece, a reacção feminina é fortíssima e indescritível. Estas bolas são amplamente vendidas no comércio, podendo ainda ser comprada on line, sua faixa de preço é de R$15,00 tendo três tamanhos principais: pequeno médio e grande; prefira o grande ou médio. Existe ainda o Mega Ball, que são três bolas ao invés de cinco , com um tamanho bem mais avantajado, as bolas normais tem o tamanho de uma uva, as megas tem o tamanho de uma bola de ping-pong, e podem ser usada analmente ou vaginalmente. Tenha o cuidado de lavar a bola ou trocar a camisinha se for tirar a bola do ânus e introduzir na vagina.

    enema, método muito apreciado pelo autor, também conhecido como lavagem intestinal. Existem explicações mais científicas ou menos científicas para o prazer que a mulher sente com o enema, encontram-se páginas na web que tratam somente deste assunto, são as water sports. Muito usado medicinalmente em mulheres grávidas e outros procedimentos cirúrgicos, este método pode ser repugnante e humilhante para uns, e muito admirado por outros, cabe ao leitor a descoberta. O processo consiste em injectar água ou óleo de preferência mineral, no ânus da mulher, aguardar pelo menos cinco minutos, e depois fazê-la expelir, então repete-se a operação mais duas vezes, ou quantas forem necessárias ou agradáveis. Durante o processo podem surgir cólicas, se isso acontecer, pare. Alguns gostam de ter orgasmo com o intestino cheio do fluido, outros preferem esvaziá-lo. O equipamento para o enema pode ser um clister, um duche ginecológica, um irrigador ou uma seringa bem grande. A capacidade de enchimento varia de pessoa para pessoa, mas a média fica em torno de 400 a 600mL. E a posição adequada para isso é a deitada de lado, de costas ou de quatro, preferencialmente a primeira.

    Penetração: Outra forma apreciada e detestada é a penetração anal, também bastante conhecida, todavia, não se aplica bem a técnica abordada.

    Plug anal: plug ou pénis artificial é um bom artifício para excitação anal,  causa uma sensação de preenchimento maior. Existem várias formas e preços, com ou sem vibrador, procure escolher um que não seja muito grosso, e que tenha um formato e cor simpáticos.

Vagina:
Parte fundamental da técnica, todavia, não tão bem explorada,  como deveria ser. Abaixo algumas sugestões:

Língua: Passar a língua na porta da vagina inicialmente para um pré-aquecimento, e só depois disso colocá-la bem fundo na vagina. Procure de preferência excitar as parte superiores, o mais próximo do Ponto G, que fica na metade do caminho entre a entrada e o colo do útero. Movimente a língua ao máximo, para cima e para baixo, de um lado para o outro e movimentos circulares. Depois de uma excitação vigorosa, pare por 10 segundos, isso vai parecer uma infinidade para a mulher, e vai deixá-la mais propensa a próxima excitação, depois do que retome o processo. Pode-se também intercalar uma penetração profunda com uma superficial, na porta. Distribua beijos por toda a área da vulva. Sugue os grandes e pequenos lábios. Sem dúvida a melhor posição para a penetração vaginal é a de quatro, segura-se a cintura da parceira, com a língua na entrada da vagina, e puxa-se contra o seu rosto com força. Um alternativa que também rende bons resultados é a posição ginecológica.

Dedo: Tão excitante quanto a língua, para algumas até melhor, é a excitação da vagina através dos dedos, em condições normais, um ou dois. O número de dedos vai com o gosto da pessoa, mas, um dedo apenas é melhor para acariciar o ponto G, este, como foi dito, fica na metade do caminho entre a entrada da vagina e o colo do útero, na parte de cima logo abaixo da barriga, contudo, você só o vai identificar a diferença na textura da mucosa vaginal após uma boa excitação. Algumas pessoas sentem mais rugosas outras chegam a encontrar uma espécie de fio tencionado, caso o encontre, este é o melhor lugar para acariciar. O  movimento óptimo para ser feito é o movimento em  forma de oito, com o centro do oito sobre o ponto G. Alterne movimentos de fricção forte e rápida, com suaves e lentas, mude para carinhos externos e depois para outros profundos chegando até o colo do útero. 

Clitóris:
O clitóris é a parte decisiva da técnica, e existe uma infinidade de formas de excitá-lo. Serão descritas algumas aqui.

Massagear o clitóris com um dedo, o polegar ou o indicador, de preferência lubrificado com saliva. Faça movimentos com delicadeza para não doer. Pode-se colocar o clitóris entre o dedo indicador e o maior de todos e fazer movimentos circulares, esta forma é complicada de se executar, mas também tem bons efeitos.

Beijar o clitóris, levemente, fortemente, ou alternando, são excelentes maneiras de aquecer uma mulher.

Passar a língua: das formas de acariciar o clitóris esta é a mais diversificada. Um dos movimentos de maior sucesso é o que se faz em forma de oito, com o centro do oito sobre o centro clitoriano. Outra forma é o de cima para baixo, e de um lado para o outro. Procure sempre atingir o clitóris pela parte de baixo dele, levantando a pele que o recobre com o auxílio suave das mãos ou dos lábios, esse ponto é o de maior sensibilidade, e provoca efeitos mais rápidos. Outra abordagem é começar os trabalhos com o clitóris fazendo um mínimo toque com a língua ou com os lábios, quanto menor melhor,  e a partir daí, aumentar progressivamente. Apertar  entre os lábios e chupá-los também causa um bom efeito. Varie sempre a velocidade e intensidade dos movimentos, até achar a forma adequada.

Procedimentos Finais:

Para se chegar a etapa final que são os orgasmos múltiplos é preciso ter em mente uma regra básica, quanto mais sensações a mulher estiver sentindo ao mesmo tempo, e mais excitada ela estiver melhor.

Primeira Etapa: As preliminares
Para a primeira parte é necessário empregar um bom tempo nas etapas de beijo, de preferência pelo corpo todo, e na de excitação das mamas. A etapa seguinte deve ser feita somente depois de a mulher estar com um bom ímpeto sexual, caso não esteja, a possibilidade de insucesso é mais alta.

Segunda Etapa: O clitóris
Tendo concluído a fase anterior, o passo seguinte é a massagem do clitóris com as mãos, pode-se passar direto aos lábios ou língua, mas, começando-se com as mãos, a língua terá seu efeito  multiplicado. Uma analogia para o que acontece são situações de quente e frio, ou doce e salgado, exemplo, se coloca as mãos em uma água muito gelada e depois troca-se para uma água muito quente, esta vai parecer bem mais quente do que realmente está.

Terceira Etapa: O ânus
Para a terceira etapa, que também só deve ser feita após ter-se resultados satisfatórios com a fase anterior, pode-se escolher entre uma das técnicas acima descritas. Pelas experiências práticas, a que surte maior resultado é a das bolas tailandesas, também conhecida como bolas chinesas ou anal beads. Toma-se as bolas e introduz-se uma a uma na parceira, a melhor posição para isso é a de quatro, com o peito abaixado. Estando a mulher bem excitada, seu ânus deverá estar latejando, assim, deve-se encostar a bolinha efectuando-se leve pressão, e só empurrar para a introdução quando os músculos estiverem relaxados. Caso seja possível, mantenha a massagem clitoriana durante esse etapa, isto não é difícil como pode parecer. Após ter-se colocado a última bola, passe um tempo aplicando leve puxões a cordinha, sem deixar nenhuma bola sair, isto causará uma sensação muito agradável a parceira.
Escolhendo a excitação com a língua, deve-se fazê-la, juntamente com a massagem do clitóris.
Lançando-se mão da introdução anal de um dedo,  também deve-se manter a língua ou os lábios no clitóris.
Observe que para o caso da opção ser as bolas, ou a do enema, é preciso ter tais acessórios preparados antecipadamente, para que não haja perda de tempo, e com isso, redução do ímpeto sexual.

Quarta Etapa: A vagina
Concluindo o processo está a quarta etapa, se a moça não estiver bem quente neste momento, talvez seja melhor recomeçar.
A experiência mostrou que óptimos resultados são alcançados da seguinte forma: mantém-se a excitação anal com uma das mãos, outra mão passa a massajar o clitóris, e os lábios beijam a vulva, primeiro bem levemente, e a medida que o tempo passar, cada vez mais forte, até que chegue o momento de penetrar a vagina com a língua, primeiramente só na entrada e progressivamente o mais fundo que for possível. Depois de um espaço de tempo empregado desta forma, alterna-se os lábios para o clitóris e os dedos para a vagina, também aí deve-se primeiramente excitar a entrada e depois lá dentro. Procure o ponto G, como foi descrito anteriormente, e passe a massajá-lo vigorosamente, pode-se empregar bastante força nisto, cuidando-se apenas para não encostar a unha, que certamente fará um corte na mucosa. Mantenha este procedimento, ânus, vagina e clitóris, mudando de vez enquanto uma das mãos para as mamas, bumbum ou o resto do corpo, e depois voltando ao mesmo local.

 

Conclusões:

O tempo para a mulher começar a ter os orgasmos múltiplos vai variar de uma para a outra, pode ser que não se consiga os resultados desejados na primeira tentativa, mas a medida que o timing da parceira seja sincronizado, o processo vai ficar bem mais fácil.
Se a mulher nunca tiver usado o ponto G, e sendo este devidamente estimulado, sua parceira pode vir a ter reacções muito fortes, podendo vir a ter uma ejaculação.  Já foi observada situações de a mulher ter quinze minutos de orgasmos em séries intermitentes. Geralmente nenhuma resiste a mais de dez, caindo em sono profundo, completamente exausta.


Posted at 08:47 pm by
::Podes comentar::  

Sexo oral

 


Vocês estão no maior amasso, loucos de tesão um pelo outro. Ele nem precisa pedir. Você sabe que ele quer sentir a maciez da sua boca, o carinho que só sua língua úmida e ágil pode proporcionar. 

 




Um bom começo é colher com ponta da língua aquele caldinho que começa a escorrer do orifício da uretra.
Isso... exatamente assim... colha a primeira gota... sinta e saboreie o gosto do seu homem. 




Em seguida percorra com a língua toda a extensão do pênis dele, de cima para baixo, de baixo para cima. Não se acanhe, mostre a língua, deixe o rastro da sua saliva na pele tesa. 




A língua, além de indispensável, é bela. Ponha a sua para fora com naturalidade e deixe que ele esfregue a glande. 


Uma das regiões mais sensíveis do pênis é o "freio", aquela prega que prende o prepúcio à parte posterior da glande. Não poupe carinhos ali. Lamba, vibre a ponta da língua, e receba em troca os gemidos de prazer dele. 


Beije, beije muito. Mas faça isso de um jeito bem sensual, sacana, abusado. 




Nada de lábios contraídos. Deixe-os soltinhos, molinhos, dobrados para fora. Você vai ficar linda assim. 




Beije a cabeça do pênis... 




...beije a região do freio fazendo uma leve sucção e, ao mesmo tempo, movimentando a língua. 




Agora, só de maldade, pare e fique apenas lambendo de leve a pontinha do pênis. Faça isso olhando seu homem nos olhos. Deixe que ele veja em seu olhar o quanto você está gostando de chupá-lo. 


A essa altura, ele já deve estar louco e você também não aguenta mais a vontade de abocanhar aquela membro duro e imenso que lateja em suas mãos. Então, sirva-se! 




Observe as bochechas da moça na foto acima. Ao sugar o pênis dessa forma, sua boca se transforma numa espécie de tubo morno,macio e úmido. Chupe com vontade. 




Faça o pênis sair quase todo da sua boca... 



... e torne a abocanhá-lo até onde você suportar.
Fique assim, chupando e fazendo o pênis entrar e sair da sua boca, imitando os movimentos de uma boa transa. Massageie os seus testículos. 



Quer ver seu macho subir pelas paredes? Chupe a cabeça do pênis e, ao mesmo tempo, faça uma masturbação nele. Poucos homens resistem por muito tempo. 




Continue sugando a cabecinha e, desta vez, fazendo movimentos circulares com a mão em torno do pênis, que deve estar bem molhadinho de saliva. 



Surpreenda seu homem. Faça coisas que a maioria não faz e torne-se inesquecível.


Por exemplo: 



Coloque o pênis dele na parte interna da bochecha e faça deslizar suavemente para dentro e para fora. A mucosa dessa região da boca é extremamente macia e a sensação é muito, muito gostosa. 


A saliva, acredite, não é uma mera coadjuvante. Se você estiver curtindo de verdade, a chupada vai te deixar, literalmente, com a boca cheia d'água. 


Brinque com a saliva... deixe-a escorrer sobre o pênis do rapaz e depois aproveite a lubrificação para masturbá-lo.



Provoque-o! Tire o pênis da boca lentamente formando um fiapo de saliva entre a boca e o membro. Vocês estão por um fio. Não é uma delícia? 

 


Técnicas avançadas, ou melhor, coisinhas que você deve fazer com extremo cuidado. 



Acaricie o pênis dele com os dentes. Mas faça isso delicadamente, arranhando de leve. 

 



Os testículos são, com certeza, a região mais delicada do corpo masculino. Qualquer pancada, ou mesmo uma pressão mais forte, provoca uma dor insuportável. Portanto, pegue leve! 
 




Coloque-os na boca mas não chupe com força. Apenas envolva-os com os lábios e use a língua. Nada de dentes nesse momento. Os lábios e a língua são os instrumentos que realmente propiciam prazer. 




Üma "garganta profunda" é garantia de sucesso mas vá com calma. Poucas mulheres conseguem engolir um pênis de bom tamanho ( com mais de 18 cm, por exemplo). 



Tente engolí-lo aos poucos. Vá forçando devagar até conhecer ser próprio limite. Ir além pode provocar ânsias de vômito, o que é desagradável.
Se você conseguir, irá propiciar um prazer indescritível a seu parceiro. Experimente, ao mesmo tempo, acariciar o pênis com a língua. Se não conseguir, não se desespere. 


Depois disso tudo, o gozo é inevitável. 
Você gosta de engolir? Então, relaxe e receba o prêmio pelo seu desempenho na arte de enlouquecer seu homem com a boca, os lábios e a língua. 
 


Se você não gosta de engolir, não precisa. Existem outras formas de curtir o gozo dele.
Só não cometa o pecado de sair correndo para cuspir. Como você se sentiria se o seu homem, depois de chupar sua vagina fosse correndo ao banheiro lavar a boca e escovar os dentes?


Ao pressentir que seu parceiro está prestes a gozar, continue as carícias mas mantenha a boca aberta para que o esperma escorra. Espalhe o esperma por todo o pênis e masturbe bem devagar, até a última gota. 


Outra alternativa é tirar de dentro da boca, sem parar contudo de beijar e lamber a borda da glande e o corpo do pênis, e deixar que ele goze sobre seu seus seios. Aproveite esse rico creme para uma massagem. Dizem que é ótimo para a pele. 

E depois? Bem, relaxe, beije, namore e deixe que o seu homem, a essa altura feliz e satisfeito, retribua o prazer.

 

 

Andymore ensina como bater uma bela punheta...
 
1. Segure com firmeza, mas sem apertar.
2. Agite com movimentos de ritmos alternados.
3. Abra a tampa, deixando-a totalmente exposta.
4. Leve à boca e sugue até a última gota.

Posted at 08:22 pm by
::Comentários (1)::  

Friday, February 11, 2005
Sinto a cabeça à roda!...


Posted at 05:24 am by
::Podes comentar::  

Saturday, February 05, 2005
Debate

 
Pedro Santana Lopes vence o debate na SIC.

Evidente impreparação de José Sócrates
desanima assessores e atira
um balde de água fria sobre os socialistas

Pedro Santana Lopes venceu de forma transparente e tão evidente o debate televisivo na SIC travado com José Sócrates.

Santana Lopes mostrou que é o melhor candidato para governar Portugal ao deixar claro perante os portugueses que está mais bem preparado para exercer as funções de Primeiro-Ministro e que tem mais experiência administrativa.

Tanto a segurança do líder do PSD quanto o impressionante nervosismo e a insegurança do socialista Sócrates não passaram despercebidos aos telespectadores do debate da SIC.

Sócrates ficou claramente desconfortável com a questão do casamento gay e a adopção de menores por casais de homossexuais, defendidos por ele na revista Única, em junho de 2004, quando Santana Lopes mostrou um exemplar da revista, deixando o líder socialista em delicada situação.

Santana mostrou que tem mais obras realizadas em proveito dos portugueses e conhece em profundidade as necessidades de melhoria de vida das pessoas que menos tem e que mais precisam. Sócrates voltou a fugir. Mais uma vez não quis assumir compromissos diante dos portugueses em questões fundamentais para o país.

Santana destacou as alterações ao sistema de impostos do país, ressalvando que pela primeira vez os bancos vão pagar mais impostos para que o cidadão português que vive de salários possa pagar menos impostos e ter mais dinheiro para a família. Sócrates calou-se, numa demonstração clara do envolvimento do PS com os banqueiros.

Destacou medidas que já estão em vigor, tomadas pelo seu governo, como a separação nas declarações de rendimentos de casais para diminuir o pagamento de impostos. E afirmou que se os portugueses lhe derem o privilégio de continuar a sua governação na próxima legislatura não haverá aumento nem do IVA, nem do IRC, nem do IRS.

Sócrates voltou a defender a co-incineração, modelo já condenado pelos ambientalistas e pelas populações. Nervoso, Sócrates não quis assumir também uma promessa que já tinha feito que é a da criação de 150 mil empregos. Disse que não é promessa, é um objectivo.

Santana, com clareza e tranquilidade impressionantes, mostrou que está à frente de um processo de recuperação da economia portuguesa, com optimismo. Para Sócrates, o país é um poço de fracassos e negativismos, tudo vai mal, tudo está pior. Santana lembrou-lhe que tem confiança no futuro. E que o que Sócrates no fundo quer ‘‘é o governo do engenheiro Guterres sem o engenheiro Guterres’’. O mesmo que fugiu do governo depois de o país ter passado por um período de recuperação da sua confiança, destruída após Portugal ter sido atirado ao pântano pela governação do PS e pelas suas políticas despesistas e de endividamento público.

O rigor orçamental exigido aos portugueses para tapar o buraco aberto nas finanças públicas pela “tralha guterrista”, que abandonou o poder e agora apoia José Sócrates (que foi Secretário de Estado e Ministro de Guterres), no entanto, foi uma tarefa à qual o PSD se dedicou por amor a Portugal.

Santana mostrou, por fim, que o país já iniciou a retoma do crescimento económico e segue adiante nas conquistas nos desígnios de gestão do país e dos aumentos de produtividade para uma melhor distribuição da riqueza acumulada.


Posted at 07:27 pm by
::Podes comentar::  

Wednesday, December 29, 2004
Lambreta

 

Vespa

A "Vespa"

Desde o seu aparecimento em 1946, a Vespa tem-se revelado, nos mais variados campos, objecto de excepção e de eleição. Juntamente com o enorme sucesso comercial atingido, foram sempre muitas as paixões que despertou entre os seus possuidores e não só. Assim, o aparecimento de grupos e associações de amantes da Vespa foi, e continua a ser, o pilar mais importante e vigoroso do "universo Vespista".

O Vespismo em Portugal cedo começou a dar seus passos e, já na década de cinquenta, foram vários os eventos realizados no nosso país sob o signo da Vespa.
Seguiram-se alguns anos de euforia nos quais a Vespa, para além de um objecto de paixão, era também um artigo de moda.

No final da década de sessenta, a invasão do mercado português por parte das marcas japonesas, ditou, tal como em outros mercados europeus, novas regras: a Vespa passa a ser um objecto de culto assente nas bases da nostalgia. Assim se tem mantido até hoje.


Posted at 06:50 pm by
::Podes comentar::  

Friday, November 19, 2004
Visita guiada...


 

Pelo terceiro dia da visita guiada pelo professor doutor Jorge Paiva, rumámos à Costa de Caparica, mais precisamente à entrada da praia do Rei, oficializada pela presença de um restaurante com o mesmo nome. Percorremos um passadiço de madeira que conduz a um outro bar, dos tantos que refrescam veraneantes e sustentam a animação nocturna nestes areais.
Nesse percurso, fomos conhecendo algumas das plantas que despontam nesta duna móvel: a perpétua das areias, o cardo marítimo, a couve-marinha, a murganheira das praias e o estorno, talvez uma das espécies mais importantes ou visualmente mais presente (encontra-se na primeira linha fronte ao mar) na sua função de fixação das dunas.
 


Posted at 05:44 am by
::Podes comentar::  

Sunday, October 31, 2004
Curiosidades


 

 

 


Posted at 04:21 am by
::Comentários (1)::  

Friday, October 01, 2004
Tebas?

 

"Quem construiu Tebas, a das sete portas?
Nos livros vem o nome dos reis,
Mas foram os reis que transportaram as pedras?
Babilónia, tantas vezes destruída,
Quem outras tantas a reconstruiu? Em que casas
Da Lima Dourada moravam seus obreiros?
No dia em que ficou pronta a Muralha da China para onde
Foram os seus pedreiros? A grande Roma
Está cheia de arcos de triunfo. Quem os ergueu? Sobre quem
Triunfaram os Césares? A tão cantada Bizâncio
Só tinha palácios
Para os seus habitantes? Até a legendária Atlântida
Na noite em que o mar a engoliu
Viu afogados gritar por seus escravos.

O jovem Alexandre conquistou as Indias
Sózinho?
César venceu os gauleses.
Nem sequer tinha um cozinheiro ao seu serviço?
Quando a sua armada se afundou Filipe de Espanha
Chorou. E ninguém mais?
Frederico II ganhou a guerra dos sete anos
Quem mais a ganhou?

Em cada página uma vitória.
Quem cozinhava os festins?
Em cada década um grande homem.
Quem pagava as despesas?

Tantas histórias
Quantas perguntas"

(Poema de Bertold Brecht )


Posted at 03:17 am by
::Podes comentar::  

Thursday, September 30, 2004
O Burro caiu ao poço

 Uma lição de sabedoria para todas as pessoas inteligentes...
 
 Um dia, o burro de um aldeão caiu a um poço.
 O animal zurrou fortemente durante algumas horas, enquanto o dono procurava
 
 ajuda para o retirar. Não a encontrando, acabou por decidir que, sendo o
 burro já velho e estando o poço já seco, o melhor era tapar o poço e não valia a pena tirar o burro.
 
 Convidou então todos os vizinhos para o ajudarem. Cada um pegou numa pá e
 começaram a atirar terra para dentro do poço.
 O burro, ao ver o que se estava a passar, começou desesperadamente a zurrar.
 
 Mas, pouco depois, para surpresa de todos, calou-se, e só se ouvia o som das
 pazadas de terra a cair. O aldeão, que ia olhando para o fundo do poço,
 ficou surpreendido com o que viu:
 o burro estava a fazer uma coisa incrível. Sacudia a terra que lhe ia caindo
 
 nas costas e dava mais um passo para cima da terra.
 Rapidamente, todos viram com espanto como o burro chegou à boca do poço,
 saltou por cima dos bordos e partiu a trotar...
 A vida vai-te atirar muita terra para cima, terra de todos os géneros.
 O segredo para saíres do teu poço é sacudi-la e usá-la para dares um passo
 para cima. Cada um dos nossos problemas é um degrau para subir.
 Assim, podemos sair dos vazios mais profundos, se não nos dermos por vencidos...
 
 Usa a terra que te atiram, para caminhares em frente.
 Recordo-te cinco "regras de ouro", para seres feliz:
  1.ª - Liberta o teu coração do ódio.
  2.ª - Liberta a tua mente das preocupações.
  3.ª - Simplifica a tua vida.
  4.ª - Dá mais e espera menos.
  5.ª - Ama mais e... sacode a terra, porque nesta vida é preciso ser
 solução e não problema.

Posted at 01:16 am by
::Podes comentar::